Siga nossas redes

Finanças

Ibovespa fecha em alta e dólar cai a R$ 4,90, com dados de emprego nos EUA

Investidores seguem avaliando cenário para os juros norte-americanos.

Publicado

em

Bolsa de valores de São Paulo 09/03/2021 REUTERS/Amanda Perobelli

O Ibovespa, principal índice da bolsa brasileira, a B3, fechou em alta nesta quinta-feira (24). Já o dólar manteve queda em relação ao real. Os investidores respondem a dados mais fracos que o esperado nos Estados Unidos e uma perspectiva alta da Selic num ritmo mais rápido no Brasil.

O Ibovespa subiu 0,85%, aos 129.514 pontos. Veja a cotação do Ibovespa hoje. O dólar caiu 1,16%, comercializado a R$ 4,9034.

A moeda norte-americana começou a ampliar suas perdas poucos minutos após a divulgação de dados do mercado de trabalho nos Estados Unidos. O Departamento do Trabalho norte-americano informou que os pedidos iniciais de auxílio-desemprego totalizaram 411 mil na semana encerrada em 19 de junho, resultado acima da expectativa de 380 mil em pesquisa da agência Reuters com economistas.

Além disso, dados separados mostraram que as novas encomendas de bens de capital nos EUA caíram inesperadamente em maio, enquanto os pedidos de bens duráveis ficaram abaixo da expectativa dos mercados.

Juros de novo sob o foco

O mercado acompanha os dados da economia dos EUA em busca de sinais de que o Federal Reserve (Fed), banco central do país, possa mudar o rumo da política monetária. Os temores são de que o Fed possa promover uma alta de juros nos EUA mais cedo do que o esperado em meio à retomada da economia.

Ajudando a acalmar os anseios, o presidente do Fed, Jerome Powell, reafirmou nesta semana a intenção de encorajar uma recuperação “ampla e inclusiva” do mercado de trabalho norte-americano e de não elevar os juros muito rapidamente.

A manutenção do estímulo e dos juros baixos pelo Fed tende a favorecer moedas de países emergentes, uma vez que os investidores vão buscar retornos mais altos fora dos Estados Unidos.

Enquanto isso, no ambiente doméstico, a perspectiva de um ciclo de alta da Selic mais rápido por parte do Banco Central continua ajudando o real.

Destaques da bolsa

JHSF (JHSF3) evoluiu 6,23%, em sessão mais positiva para ações de empreendimentos imobiliários, incluindo shopping centers. O índice do setor imobiliário subiu 1,5%.

B2W (BTOW3) avançou 3,05%, em sessão positiva para papéis de varejo em geral, com Lojas Americanas (LAME4) e Magazine Luiza (MGLU3) subindo 4,48% e 5,2%, respectivamente, diante das perspectivas mais positivas para a atividade econômica e melhora no sentimento do consumidor.

BB Seguridade (BBSE3) caiu 1,21%, pelo segundo dia consecutivo entre os destaques negativos, após anunciar que fará um reforço de capital de até R$ 600 milhões na Brasilprev, que concentra os negócios de previdência complementar aberta.

Bolsas mundiais

Wall Street

Os índices Nasdaq e S&P 500 fecharam em máximas recordes nesta quinta-feira, com o Dow Jones também em alta depois que o presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, abraçou um acordo bipartidário de infraestrutura com o Senado.

  • O índice Dow Jones subiu 0,95%, a 34.197 pontos
  • S&P 500 ganhou 0,581116%, a 4.266 pontos
  • O índice de tecnologia Nasdaq avançou 0,69%, a 14.370 pontos

Ações da China

As ações da China fecharam em leve alta nesta quinta, com os ganhos nos setores de consumo e novas empresas de energia compensando perdas em firmas de saúde, que foram atingidas por temores de uma queda nos preços dos medicamentos.

O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen, avançou 0,2%, enquanto o índice de Xangai ficou estável.

Veja também

(*Contém informações da Reuters)

Investir em Ações é ainda mais fácil com taxa de corretagem ZERO! Aproveite agora

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.