Siga nossas redes

Finanças

Ibovespa encerra janeiro com alta de 6,98%; dólar cai 4,80% no mês

Investidores têm como foco nesta semana as decisões de política monetária no Brasil e no exterior.

Publicado

em

Tempo médio de leitura: 5 minutos

ibovespa

O principal índice de ações da B3, o Ibovespa, encerrou em alta nesta segunda-feira (31) e com ganho no acumulado do mês. Já a moeda norte-americana fechou o dia em queda e terminou janeiro no ritmo que embalou boa parte do mês, mostrando forte recuo, para uma mínima em mais de quatro meses.

No dia, o Ibovespa avançou 0,21%, aos 112.144 pontos. No acumulado do mês, o índice avançou 6,98%, a maior valorização para um mês desde dezembro de 2020. O dólar caiu 1,57% nesta-segunda-feira (31), comercializado a R$ 5,3054, o menor valor desde 23 de setembro de 2021. No acumulado de janeiro, a moeda norte-americana recuou 4,80%.

Alexandre Espirito Santo, economista-chefe da Órama, destacou a entrada de investidor estrangeiro na bolsa como um dos fatores que levaram à performance positiva em janeiro.

“Não é que o Brasil virou a última bolacha do pacote, é que (a bolsa) realmente estava com múltiplo muito descontado”, afirma ele, que ainda vê espaço para ganhos.

Segundo analistas, houve uma forte migração de investimentos em ações de crescimento, como aquelas do setor de tecnologia, para papéis de valor, como de bancos, em meio ao cenário de alta de juros nos Estados Unidos nos próximos meses. O setor financeiro, por exemplo, congrega algumas da maiores altas do Ibovespa no mês.

Cenário interno

A semana será de decisão de política monetária no Brasil, com expectativa de elevação da Selic em 1,5 ponto percentual, e em alguns dos principais Bancos Centrais do mundo, incluindo o da zona do euro, que deve manter a taxa no patamar atual, e o da Inglaterra, que deve elevar os juros em 0,25 ponto percentual.

Além disso, temporada de balanços trimestrais começa nos próximos dias no Brasil, com Santander Brasil e Cielo entre as primeiras empresas a divulgarem seus resultados.

O Ibovespa acompanhava cenário de cautela, ainda que dados macroeconômicos no Brasil negativos tenham sido divulgados mais cedo. O país fechou mais vagas formais de trabalho em dezembro do que o esperado pelo mercado, mostrou o Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), enquanto o setor público consolidado brasileiro registrou um superávit primário muito abaixo da estimativa de analistas.

A pesquisa semanal Focus do Banco Central também não trouxe novidades positivas, com as projeções dos economistas para a inflação do país subindo de 5,15% para 5,38% em 2022 e de 3,40% a 3,50% em 2023.

Destaques da bolsa

As ações de empresas de tecnologia, varejo e turismo subiram forte nesta segunda-feira (31) e ficaram entre as maiores altas do Ibovespa. As ações de Azul (AZUL4e Gol (GOLL4encerraram a segunda-feira (31) com ganhos de 7,98% e 7,52%, respectivamente.

Por outro lado, na outra ponta do Ibovespa, papéis de empresas exportadoras ficaram entre as maiores desvalorizações. As ações da Vale (VALE3) cederam 3,33%, negociadas a R$ 80,87, e BRF (BRFS3) teve baixa de 2,27%, para R$ 22,33. Confira os destaques do dia.

Bolsas mundiais

Wall Street

Os três principais índices de ações norte-americanos fecharam em alta nesta segunda-feira, que marcou o fim de um mês volátil para Wall Street, com ganhos ajudando o índice de tecnologia Nasdaq a evitar por pouco seu pior início de ano já registrado.

Europa

As ações europeias fecharam em alta nesta segunda-feira, com os papéis de tecnologia saltando ante mínimas em oito meses, embora preocupações com aperto da política monetária, inflação e tensões geopolíticas tenham feito o STOXX 600 marcar seu pior mês desde o final de 2020.

  • Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,02%, a 7.464,37 pontos.
  • Em FRANKFURT, o índice DAX subiu 0,99%, a 15.471,20 pontos.
  • Em PARIS, o índice CAC-40 ganhou 0,48%, a 6.999,20 pontos.
  • Em MILÃO, o índice Ftse/Mib teve valorização de 0,94%, a 26.814,05 pontos.
  • Em MADRI, o índice Ibex-35 registrou alta de 0,03%, a 8.612,80 pontos.
  • Em LISBOA, o índice PSI20 valorizou-se 0,77%, a 5.564,35 pontos.

Ásia e Pacífico

O índice acionário japonês Nikkei ampliou seu rali impulsionado pelo setor de tecnologia depois que o primeiro-ministro do país disse que não está avaliando um novo estado de emergência.

O volume de negociações foi baixo na região devido ao feriado do Ano Novo Lunar

  • Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 1,07%, a 27.001 pontos.
  • Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 1,07%, a 23.802 pontos.
  • Em XANGAI, o índice SSEC não abriu.
  • O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, permaneceu fechado.
  • Em SEUL, o índice KOSPI não teve operações;
  • Em TAIWAN, o índice TAIEX não abriu.
  • Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES valorizou-se 0,10%, a 3.249 pontos.
  • Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,24%, a 6.971 pontos.

Com informações da Reuters

Veja também

Ganhe dinheiro com as variações cambiais enquanto seu patrimônio fica protegido. Invista em Dólar!

Anúncio Patrocinado Probabilidades Samy Dana Probabilidades Samy Dana
ANÚNCIO PATROCINADO      Novidade Carteita TOP FII Junho

Abra sua conta! É Grátis

Já comecei o meu cadastro e quero continuar.
Anúncio Patrocinado Cripto no App Nu