Siga nossas redes

Finanças

Axie Infinity é seguro? Como o game gera dinheiro e quais os riscos de jogar

Jogadores consultados pelo IN$ dizem que chegam a faturar cerca de R$ 2 mil por mês; conheça os prós e contras do game.

Publicado

em

Axie Infinity

A evolução do mercado de criptomoedas tem tornado possível a fusão entre games e finanças, como é o caso dos jogos play-to-earn (em português, “jogue para ganhar”), que recompensam financeiramente aqueles que investem seu tempo jogando. Nesta categoria, a “bola da vez” é o Axie Infinity, que tem gerado altos retornos a seus jogadores. No entanto, especialistas consultados pelo InvestNews alertam para os riscos do jogo do momento.

Em 2018, a Sky Mavis lançou o Axie Infinity, um jogo do tipo play-to-earn baseado em NFT (token não fungível), uma espécie de ativo único e colecionável, os monstrinhos chamados de axies, hospedados na blockchain Ethereum. Apesar de ter se tornado bastante popular nas Filipinas, o “boom” do game só ocorreu em 2021.

O jogo é composto pelo token Smooth Love Potion (SLP), a moeda do jogo, e por um token de governança, o Axie Infinity Shards (AXS), que segundo um estudo da Yubb realizado de 1º de janeiro a 18 de novembro, foi a criptomoeda que mais valorizou em 2021, com cerca de 20.943% de valorização.

Apesar da alta da AXS, especialistas alertam para os riscos em investir no jogo, assim como em criptomoedas. “Acho que em cripto não há como escapar da volatilidade. Tudo, inclusive o próprio bitcoin, acho que é um investimento de altíssimo risco”, afirma Helena Margarido, especialista em criptomoedas da Monett.

“Dentro das iniciativas de criptomoeda, ele [Axie Infinity] é ainda mais arriscado, mas por ser um expoente dentro dessa categoria de play-to-earn, e a febre que é, acredito que dá pra vê-lo como investimento, mas sabendo que da mesma forma que um jogo ganha popularidade e espaço, ele pode perder. É um investimento de altíssimo risco mas, por outro lado, pode ter altíssimo retorno também”, completa.

Helena conta que já recomendou o investimento na criptomoeda quando seu valor era de cerca de US$ 3 — agora está valendo entre US$ 130 a US$ 140 — e acredita ainda haver um potencial de valorização e crescimento, mas que o cenário para o ano que vem ainda é muito incerto.

Patrocinado por grandes empresas como a corretora multinacional de criptomoedas Binance e a empresa de tecnologia Samsung, o Axie Infinity já possui mais de 250 mil jogadores ativos diariamente e, segundo o “Portal Bitcoin”, chegou a gerar uma receita de quase R$ 85 milhões em apenas um mês.

Milhares de jogadores entraram neste universo blockchain na intenção de ganhar dinheiro, e apesar do alto investimento, alguns de seus participantes dizem valer a pena pela velocidade do retorno financeiro.

“Como conseguimos entrar no começo do ‘boom’, consegui pegar uma onda muito grande de retorno. Acho que fiz uns R$ 100 mil de investimento e consegui tirar esse retorno em um mês e meio, praticamente”, conta Adolfo Castilho Garcia, empresário de Brasília e fundador da escola ACG de Axie Infinity.

Como o Axie Infinity gera dinheiro

Como muitos jogos, o Axie Infinity também possui metas e missões que geram recompensas. No caso, a moeda do jogo, a smooth love potion (SLP), que pode ser convertida em dinheiro.

Existem cinco maneiras de rentabilizar o game: por meio da venda de “poções”, as SLP; por schoolarships (aluguel de contas, chamado também de “escolinha”); por breeding (criação de novos axies por cruzamento); por trade de axies (compra e venda); e pela venda do token AXS.

“Cada um daqueles ‘bichinhos’ (axies) é uma NFT, então se você tiver algo que dentro do algoritmo do jogo seja considerado mais ‘potente’, a sua própria NFT pode se valorizar, então eu considero um investimento também. É um jogo, mas tem suas derivadas formas de investimento, e dá para ganhar dinheiro com Axie Infinity, sim”, comenta Helena Margarido.

Devido ao valor destes axies, existe muita demanda para sua criação, o que torna os SLPs itens muito requisitados, pois eles são essenciais neste processo. O cruzamento destes axies só acontece a partir de outros dois preexistentes, e cada um deles possui o limite de reprodução de até 7 vezes. Por esse motivo, os jogadores se dispõem a pagar por essa “poção”. Já outros fazem desse cruzamento uma forma de rentabilidade.

“Fora o jogo, nós também fazemos breeding. A gente pega axies com boa genética, fazemos a cruza, e vendemos os filhotes por um bom valor. Essa é uma outra forma de rentabilizar o jogo não só jogando, mas você também pode fazer o ‘breed’ para usar nos seus times, que sai mais em conta do que ir no marketplace e comprar”, diz Adolfo.

O breeding é o nome dado à reprodução de axies. Neste processo, o jogador escolhe 2 axies de raças diferentes com as características que deseja combinar, e faz o “breeding” para a criação de um novo “filhote”, que vem em forma de ovo e se torna adulto em 5 dias.

Além deste cruzamento, também é possível fazer trade destes tokens do jogo, comprando de outros jogadores, e vendendo quando estiverem em alta, mas essa é uma opção que depende da valorização dos tokens, que ainda é incerta para os próximos meses.

Helena acredita que a AXS ainda tem potencial de valorização, mas há algumas ressalvas. “O Axie Infinity, em termos de jogabilidade desses play-to-earn, está anos-luz na frente das outras iniciativas, mas o jogo ainda não está completamente desenvolvido. Nos próximos meses, acho que ainda tem espaço para a AXS subir, depois, vai depender muito de como o mercado continuar expandindo e o jogo começar a perder market share para outras iniciativas”, diz a especialista.

Já Castilho, da escola ACG, segue otimista “Acredito que a gente ainda tem um bom tempo no Axie Infinity. Pra mim é o jogo mais sólido economicamente, o que tem a melhor gestão entre os jogos de NFT atualmente”.

Outra forma de ganhar dinheiro com o Axie Infinity é por meio de “scholarship”, ou escolinhas. Como cada jogador pode usar apenas 3 axies por batalha, aqueles que possuem um número maior de bichinhos podem criar várias contas e alugar para outras pessoas investirem seu tempo jogando, apenas combinando uma porcentagem dos lucros.

“Iniciei com 10 alunos, mas hoje tenho 50 alunos jogando pra mim e ganhando uma porcentagem sobre o que produzem de moeda. Eu tenho uma tabela escalonada, exemplo: se o aluno fizer x% de SLP, que é a moeda do jogo, ele vai ganhar 30%. Se ele fizer y%, ele ganha 35%, e por aí vai, até 50% de divisão de lucro”, afirma o empresário Castilho.

Não é possível dizer ao certo qual a rentabilidade do jogo, pois, como em qualquer investimento, ela depende de diversos fatores, mas quanto mais o jogador investe, maior e mais rápido tende a ser seu retorno. 

“Hoje, com 50 times, você consegue ter um faturamento de R$ 50 mil a R$ 100 mil por mês, sem tirar a comissão dos jogadores. É um ótimo retorno, e não tem nada no mercado que se compare e te dê um retorno desse em criptomoedas”, completa o empresário.

Mas os fundadores das escolas de Axie Infinity não são os únicos beneficiados. Segundo jogadores entrevistados, é possível ter uma boa rentabilidade mesmo utilizando a conta de outra pessoa.

“O valor varia muito, mas consigo, em média, uns R$ 900 por mês jogando por umas 3 ou 4 horas por dia. Já consegui R$ 800 em 15 dias quando estava numa posição alta no ranking de jogadores”, diz Henrique Santos, analista de fraude que joga Axie Infinity.

Lucas Teles, técnico em TI e jogador do game, também entrou alugando a conta de outra pessoa, mas consegue um bom rendimento mensal jogando apenas uma hora por dia, em média, o que diz ser por causa da composição da conta que utiliza. Quanto maior for o número de axies e quanto mais fortes forem, mais recompensas o usuário ganha.

“Consigo cerca de R$ 1 mil e pouco, quase R$ 2 mil por mês, mas isso é porque a conta que eu alugo é boa. Já consegui R$ 5 mil quando a moeda do jogo (SLP) estava mais valorizada”, diz.

Já Bruno Ferreira, desenvolvedor Full Stack e jogador do Axie Infinity fez o investimento sozinho e joga com a própria conta: “Entrei no jogo com uns R$ 8 mil de investimento, e jogando umas duas horas por dia, consigo ganhar uns US$ 300 a US$ 400 na cotação atual, com o dólar a R$ 5,60, mais ou menos”.

Como funciona o Axie Infinity

Muito comparado ao Pokémon, o Axie Infinity utiliza uma lógica parecida, com o uso de cartas que melhoram o desempenho dos axies, mas também metas que, quando atingidas, resultam em SLD como recompensa.

Para entrar no jogo, é necessário ter uma conta em uma exchange de criptomoedas, corretora que intermedia negociações com ativos digitais, e configurar sua carteira digital Metamask e Ronin. 

Antes de iniciar, o jogador precisa de no mínimo 3 axies, que podem ser comprados diretamente no marketplace com a moeda Ethereum, ou alugados por meio de scholarship. Atualmente, o Axie mais barato custa cerca de US$ 77. Ou seja, os 3 axis equivalem hoje a cerca de R$ 1.293 (pela conversão do câmbio atual).

Os axies são divididos por espécie, como planta ou peixe, por exemplo, e cada uma delas interfere nos atributos desses bichinhos durante as batalhas, que são habilidade, velocidade, vida e moral, além de ajudar na hora de ganhar as SLP, que podem ser convertidas em dinheiro.

Cada Axie possui quatro cartas, e ao iniciar, o jogador precisa comprar 6 cartas aleatórias para seus axies, podendo ou não ser de um único bichinho, e cada uma destas cartas vai fornecer uma característica. A partir daí, basta escolher a melhor estratégia para ganhar as batalhas.

Pontos positivos e negativos do Axie Infinity

Uma grande preocupação daqueles que estão interessados em começar a jogar é a segurança. Apesar de ser um game, o Axie Infinity também pode ser considerado um investimento, e como qualquer investimento, também apresenta riscos.

O jogo que se tornou “modinha” este ano também tem seus pontos negativos. Mesmo com o bom retorno em dinheiro, o desenvolvimento deixa a desejar, segundo seus usuários.

“É ruim ter que atualizar os times constantemente, vender e comprar outro para melhorar seu desempenho. A moeda ainda é instável, como todas as criptomoedas, mas ainda é um ponto negativo. Além disso, o tempo de saque também é muito grande. Você tem que esperar cerca de 14 dias para sacar”, pontua o empresário Adolfo Castilho.

Lucas também comenta sobre a jogabilidade: “Uma das desvantagens do jogo pra mim é que ele não se joga sozinho, precisa de interação, e outros jogos NFT não precisam. Mas por outro lado, mais do que o dobro da minha renda vem sem esforço algum”, conta Lucas.

Para Helena Margarido, existem outras questões envolvendo as atualizações do jogo que devem ser observadas. A AXS, por exemplo, existe para ser um token de governança, ou seja, proporcionar o poder de voto àqueles que a detêm, mas estes pontos do jogo ainda não estão bem definidos.

Helena explica que, mesmo que o token exista, a governança do Axie Infinity ainda não está implementada, então os detentores da AXS, até o momento, não puderam ter uma efetiva participação nas decisões ao longo do desenvolvimento e votar para decidir quais os rumos das alterações feitas nele, pois o controle ainda está centralizado na mão dos desenvolvedores. 

“Tem um ponto dois, que é a altíssima volatilidade e, eventualmente, o fato de você estar preso num investimento que é ‘modinha’ e tem a ver com hype”, alerta a especialista em criptomoedas. Segundo ela, para quem gosta muito de game, vale estudar toda essa indústria de NFT e ver de que maneira dá pra se posicionar.

“Tem vários outros jogos a serem lançados nestes primeiro e segundo bimestre de 2022 que têm chance de lucro até maior do que o Axie Infinity, como o Star Atlas, que é um potencial bem forte, e alguns outros de metaverso, como The SandBox e Decentraland”, completa.

Veja também:

  • Vale a pena comprar Shiba Inu, a criptomoeda ‘concorrente’ do Dogecoin?

Este conteúdo é de cunho jornalístico e informativo e não deve ser considerado como oferta, recomendação ou orientação de compra ou venda de ativos.

Invista nas maiores empresas do mundo sem sair de casa e sem pagar taxa de corretagem! Invista em BDR

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!