Siga nossas redes

Finanças

Méliuz dispara 15,19%; Duratex lidera perdas e recua 3,07%

Empresa de cashback valorizou após desdobramento de suas ações.

Publicado

em

Foto: Divulgação

O Ibovespa, principal índice da B3, fechou em leve baixa de 0,19% nesta terça-feira (14). As ações da Méliuz (CASH3) e da Locaweb (LWSA3) lideravam as altas do pregão. Já a Duratex (DXCO3) encabeçou a lista das maiores desvalorizações.

As aéreas Azul (AZUL4) e Gol (GOLL4) fecharam em queda de 1,68% e 1,18%, respectivamente, após o Bank of America (BofA) rebaixar de neutra para venda a recomendação dos papéis das companhias.

A Petrobras caiu 1,33%, enquanto 3R Petroleum, que chegou a avançar mais cedo, recou 0,65%. A PetroRio, por sua vez, avançou 0,56%.

A Camil e a Weg seguiam em alta e o Santander teve leve queda de 0,62% na esteira da divulgação de aquisições.

A Raízen fechou com ganhos após o início de cobertura das casas de investimentos com perspectivas positivas para a empresa que estreou em agosto na B3. Veja os destaques abaixo:

Méliuz e Duratex

A empresa de cashback Méliuz (CASH3), que realizou o desdobramento das ações na última sexta-feira, chegou a avançar 15,19%, para R$ 7,70, liderando as altas do Ibovespa. Na outra ponta Duratex (DXCO3) caiu 3,07% para R$ 18,61.

Eneva

A empresa de energia Eneva (ENEV3) esteve entre as cinco maiores altas do Ibovespa, com valorização de 3,42%, negociada a R$ 16,93. No início do mês, a companhia fechou um acordo de longo prazo com a EDF Renewables para a compra de energia renovável, abrindo espaço para atuação no mercado livre de energia por meio de fontes incentivadas.

Camil

A Camil (CAML3) subiu 2,55%, cotada a R$ 9,64. A companhia comunicou que adquiriu as marcas compostas pelo termo “Seleto” registradas no Instituto Nacional da Propriedade Intelectual (INPI) por meio de contrato firmado com a Jacobs Douwe Egberts BR Comercialização De Cafés (JDE Brasil).

Banco Inter

Banco Inter (BIDI11) fechou em alta de 3,17%, cotado a R$ 67,46. As units da empresa acumulam valorização de 109,35% no ano em meio ao cenário positivo para os bancos digitais. Em relatório de início de cobertura divulgado no fim da última semana, o Bank of America (BofA) recomendou a compra do papel, com preço-alvo de R$ 80.

Além disso, o Inter informou na noite da véspera o encerramento do programa de recompra de ações. Segundo a empresa, foram adquiridas 2.980.200 ações ordinárias e 4.762.900 ações preferenciais representativas de 1 ação ordinária e 2 ações preferenciais.

Petroleiras

A empresa de petróleo e gás 3R Petroleum (RRRP3), que subia mais cedo, virou e fechou em queda de 0,65%, para R$ 35,23. Ainda no setor petroleiro, a PetroRio (PRIO3) diminuiu os ganhos e registrava alta de 0,56%, para R$ 19,63, enquanto Petrobras (PETR4) recuou 1,33%, para R$ 25,88. O presidente da Petrobras, Joaquim Silva e Luna, falou nesta terça sobre o preço dos combustíveis em Plenário da Câmara dos Deputados. 

Santander

Santander (SANB11)  fechou em queda de 0,62%, para R$ 36,92. O banco anunciou na véspera a compra de 70% de plataforma mexicana Mercadotecnia, Ideas y Tecnología (MIT), unindo-a ao seu braço de pagamentos Getnet, que se prepara para uma oferta inicial de ações (IPO) na Nasdaq.

Weg

Weg (WEGE3) valorizou 1,23%, para R$ 39,38. A empresa comunicou que firmou contrato para adquirir 100% do capital social da Balteau Produtos Elétricos, empresa de transformadores para instrumentos e conjuntos de medição, localizada no município de Itajubá, em Minas Gerais.

Raízen

A Raízen (RAIZ4), joint venture entre Cosan (CSAN3) e Shell no setor sucroalcooleiro e em combustíveis, teve alta de 3,45%, negociada a R$ 7,19, em meio ao início de cobertura da companhia por casas de investimentos. O BofA iniciou a cobertura com recomendação de compra para os papéis da empresa e preço-alvo de R$ 12, o que representa quase o dobro da cotação atual.

Para o banco, a companhia é uma empresa única na cadeia de abastecimento de bioenergia. Além disso, o BofA enxerga oportunidades de crescimento consideráveis para os negócios existentes “amparado por um balanço sólido e forte geração de caixa, o que também deve permitir dividendos sustentáveis”, informou.

O banco UBS BB também iniciou a cobertura da Raízen com recomendação de compra e preço-alvo de R$ 9,60.

Veja também

  • Entrevista: Clint Watts explica como sobreviver em um mundo de hackers
  • O que faz do BCFF11 o 3º maior FII em número de cotistas?
  • SMAB11: vale a pena investir no novo ETF de small caps?
  • Inflação: quais os melhores investimentos para se proteger da alta dos preços?

Invista em Previdência e não se preocupe lá na frente! Invista em Previdência Privada!

Anúncio Patrocinado Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem! Invista em Ações com TAXA ZERO de corretagem!

O InvestNews é um canal de conteúdo multiplataforma que oferece a cobertura diária de notícias e análises sobre economia, investimentos, finanças, mercado financeiro, educação financeira, projeções, política monetária e econômica. Tudo o que mexe com o seu dinheiro você encontra aqui, com uma linguagem simples e descomplicada sobre o mundo da economia e dos investimentos.